top of page
  • Foto do escritorHugo Crema

Escritórios de advocacia buscam tecnologia que resolva problemas reais

Com a ameaça de recessão econômica, ROI e UX/UI são as palavras-chave mais quentes quando se trata de compra de tecnologia por escritórios.





Achei bem interessante este artigo na Legaltech News sobre a adoção da tecnologia por escritórios de advocacia nos EUA em 2023.


Como o tema ganha relevância também no Brasil, o artigo é leitura importante tanto para quem vende B2B quanto para gestores jurídicos contratantes.


Com a perspectiva de recessão, os escritórios de advocacia são forçados a ser criteriosos na compra de tecnologia. Com isso, deve crescer a busca por soluções para problemas essenciais do negócio, em vez de iniciativas experimentais ou supérfluas.


Além disso, a facilidade de implementação e o ROI comprovado serão determinantes para a decisão de compra.


Um detalhe interessante é a previsão de crescimento de vagas de tecnologia in-house. Isso permite aos escritórios otimizar o deployment de ferramentas e racionalizar custos.


Leia aqui.

Comentarios


Inscreva-se e receba a newsletter por e-mail

Informações registradas!

bottom of page